24 de julho de 2020 - 14:46

BrTT ou Bvoy? Estatísticas apontam quem é o melhor atirador

A discussão entre torcedores de ‘quem é melhor’, brTT ou Bvoy, se estendeu por torcedores de paiN e Flamengo Esports desde a chegada do atirador coreano em território brasileiro. O Esports 24 horas,  com informações colhidas pela equipe do Lol a Sério, foi atrás dos dados dos jogadores e suas respectivas equipes para tentar, através de números, provar quem é o melhor jogador. Será que conseguimos?

Análise do Estilo dos Jogadores

Todo mundo já conhece o brTT. Caracterizado pela variância dos seus jogos, exaltado pelas boas performances emplacando quadra e penta kills porém, também criticado, em outros momentos, quando apresenta placar negativo e tem um impacto quase irrelevante na partida. Atirador lendário no país, pentacampeão do CBLOL e integrante da equipe que fez a melhor campanha internacional do Brasil na história da modalidade, a paiN de 2015 (brTT > Doublelift).

Nesta etapa do CBLOL, conseguimos ver o famoso ‘Draven do Pai’ ainda no mês de junho e também o vimos jogar com o “Rato” (Rexpeita) levando a paiN à vitória em ambas as ocasiões. O ponto é: se o time conseguir realizar um bom início de jogo (coisa que procuram sempre fazer) e as rotações derem certo, provavelmente o brTT fará uma boa participação na partida.

Já Bvoy é sangue novo no CBLOL. Com passagem por vários times de renome em diversas regiões, como o chinês JD Gaming e o europeu Misfits Gaming, chegando no Brasil recentemente para compor a equipe do Flamengo Esports. O atirador coreano possui um estilo extremamente agressivo e ousado, arriscando jogadas como teleportes e reposicionamentos com as habilidades dos campeões que gosta para flanquear e eliminar os alvos de prioridade do time adversário (mid e adc). Suas melhores participações foram de Ezreal e Kai’sa. 

Análise dos Times de cada Jogador

O jogo da paiN, equipe que tem as cores defendidas pelo atirador multicampeão brasileiro Felipe “brTT” Gonçalves”, é caracterizado por ser extremamente enfático nas fases de early e mid game (ou seja, do início da partida até 20-25 minutos). Eles sempre procuram fazer rotações agressivas, geralmente com iniciativas do atual jungler, Cariok. A partir dessas oportunidades, vão atropelando o time adversário, lutando por todos os objetivos do mapa e com muitos abates no caminho. Fica fácil de enxergar observando alguns dados do time:

PaiN Gaming

  • Tempo médio de jogo: 32:15 (3° mais rápido do campeonato)
  • Abates/jogo: 17.4 (maior do campeonato)
  • Taxa de primeira torre: 57.1% (2° maior do campeonato)
  • Torres destruídas por jogo (média): 7.8 (maior do campeonato)
  • Dragões por jogo (média): 3 (maior do campeonato)
  • Vantagem de Gold em 15 minutos de partida: 1587 (maior do campeonato)

Com esses dados, é fácil perceber que o time tem foco em objetivos e num início de jogo explosivo. O problema desse estilo de jogo aparece quando algum jogador do time faz uma performance ruim. Se o Cariok não conseguir encaixar suas jogadas e/ou o Robo (top laner) terminar morrendo muitas vezes, fica difícil para o mid laner Tinowns, a estrela do time, ter um grande impacto no mapa como é de sua característica. Com isso, sobra pouco espaço para o brTT aparecer. O estilo de jogo da Pain não dá muita margem de erro, visto que eles dificilmente escolhem campeões muito fortes no late game e também optam por jogar com pouco wave clear na maioria dos casos. 

O cenário para o brTT jogar é, portanto, extremamente dependente da pressão que o duo Tinowns + Cariok vai conseguir aplicar, e também se Robo não vai morrer tantas vezes como de costume. Felizmente, a Pain toma decisões de jogo acima da média em relação aos demais times do CBLOL. 

O estilo de jogo do Flamengo não fica muito claro. Eles demonstram diversas falhas de execução em vários momentos da partida, principalmente por parte do suporte Luci, o que torna a condução de jogo bastante caótica. A única constante que aparece na performance do Flamengo são os jogos longos e sangrentos, com lutas o tempo todo. Observe as estatísticas mais notáveis:

Flamengo Esports

  • Tempo médio de partida: 34:35 (2° mais longo do campeonato)
  • Abates/partida: 16.4 (3° maior do campeonato)
  • Mortes/partida: 17.4 (maior do campeonato)
  • Taxa de First Blood: 64.3% (2ª maior do campeonato)
  • Dragões por partida (média): 2.79 (3° maior do campeonato)
  • Dano causado por minuto: 2029 (3° maior do campeonato)

Dá pra ver que eles matam e morrem muito e de alguma forma tentam sair vitoriosos em meio a um banho de sangue, enquanto tomam objetivos. Dentro desse cenário, Bvoy aparece como o jogador estrela do time, conseguindo encaixar lutas excelentes e causar muito dano, “carregando” aliados que têm uma performance notavelmente inferior à sua.

Comparação de estatísticas notáveis dos jogadores

KDA: 

  • Bvoy 5.9 (maior do campeonato) 
  • brTT 5.5 (2° maior do campeonato)

Média de abates:

  • Bvoy 7.1 (maior do campeonato)
  • brTT 4.9 (2° maior do campeonato)

CS por minuto

  • Empate de ambos com 9.3 (melhores do campeonato, junto com o DudsTheBoy)

Gold por minuto

  • Bvoy 470 (maior do campeonato)
  • brTT 459 (2° maior do campeonato)

Participação em abates

  • Bvoy 79.7% (maior do campeonato)
  • brTT 70.4% 

Porcentagem de dano em relação ao dano total causado pelo time

  • Bvoy 36.4% (maior do campeonato)
  • brTT 24.6% 

Dano por minuto

  • Bvoy 776 (maior do campeonato)
  • brTT 473

Vantagem de Gold em 15 minutos (em relação ao adc inimigo)

  • brTT 816 (maior do campeonato)
  • Bvoy 707 (2° maior do campeonato)

Diferença de CS em 15 minutos (em relação ao adc inimigo)

  • Bvoy 20 (maior do campeonato)
  • brTT 13 (2° maior do campeonato)

Recorde de Dano por Minuto

  • Bvoy 1034, jogando de Ezreal contra Prodigy
  • brTT 642, jogando de Ezreal contra Santos

Melhor KDA

  • Bvoy 7/1/11, jogando de Kai’sa contra Vivo Keyd
  • brTT 4/0/13, jogando de Senna contra Fúria

Podemos verificar que em quase todas as estatísticas relevantes para um atirador, Bvoy leva a vantagem em cima do brasileiro. O único ponto em que  exceção se faz presente é a vantagem de gold aos 15 minutos, mas devemos lembrar que o estilo da paiN favorece o brTT nesse aspecto, pois é o time com o melhor early game do campeonato. Devido a isso, o gold adquirido através de objetivos (principalmente torres) ajuda e muito o brTT nesse quesito.

No  confronto direto, brTT levou a melhor sobre Bvoy quando a paiN Gaming venceu o Flamengo Esports no dia 28 de junho.

Mas e então, quem é melhor?

Se formos analisar os números e atuações, Bvoy sai na frente como o melhor jogador. Também pode ser levado em conta que o atirador coreano conquistou estatísticas melhores do que o brasileiro, mesmo estando em um time inconstante e em uma posição inferior na tabela do campeonato. Por outro lado, brTT está alocado num time onde o jogo macro está sendo executado de forma mais limpa e, mesmo assim, ainda não conseguiu aparecer tanto como poderia. 

E para você, quem é melhor, o Pai ou Bvoy? Certamente são dois grandes jogadores e que voltarão a medir forças neste sábado (25) à partir das 15h, pelo Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLOL).

24 de julho de 2020 - 14:46

Autor: Victor Leahy com Lol a Sério