21 de fevereiro de 2020 - 09:54

Libertadores do Fifa 20 terá clubes brasileiros, mas com jogadores genéricos, diz EA

Maracanã, palco da final do torneio em 2020, também não estará presente no simulador.

Os fãs de Fifa que estavam na expectativa de ver, de forma fiel, os times brasileiros representados no modo da Libertadores do Fifa 20 receberam um banho de água fria após a EA Sports confirmar que, apesar dos clubes chegarem licenciados, eles terão jogadores genéricos no elenco. O conteúdo será disponibilizado no dia 3 de março, para PS4, Xbox One e PC.

Outro ponto que não agradou a comunidade é a ausência do palco da final do torneio em 2020. Por questões contratuais, o Maracanã não será adicionado ao jogo, uma vez que o estádio é exclusivo do PES 2020, da Konami. A EA, no entanto, adicionou o El Cilindro, casa do Racing, da Argentina.

Flamengo, Vasco, Palmeiras e São Paulo, que até então só tinham seus escudos representados no simulador da Konami, passarão a fazer parte do Fifa 20 devido a uma decisão da Conmebol, que pode negociar o direito de imagem dos clubes com as empresas dos jogos.

Divulgação/EA SportsLibertadores do Fifa 20 não terá maracanã

EA anuncia El Cilindro para Libertadores do Fifa 20

Mesmo com uniforme fiel à realidade, os clubes brasileiros serão os únicos com jogadores genéricos. O caso acontece devido a impasse em relação ao direito de imagem dos atletas que, devido exigências da Lei Pelé, devem ser negociados individualmente. Dessa forma, os jogadores brasileiros também não serão incluídos no modo Ultimate Team.

21 de fevereiro de 2020 - 09:54

Autor: Victor Leahy